Qual é a sua escolha pessoal para passar o Réveillon? Se é só um lugar com areia, sol e mar, você deveria saber e, principalmente, descobrir, a imensidão de lugares improváveis que o Brasil reserva. De cachoeiras a centros históricos, cada pedacinho dessa terra vasta guarda locais incríveis.

Viajar é, além de dedicar um tempo a si mesmo, também explorar o novo e desconhecido. Afinal, sair de casa para ver cenários que você já conhece, não traz nenhuma novidade. Por isso, sair do roteiro que te leva a praias, por melhores que elas sejam, sempre tem vantagens a mais.

Lugares com histórias e riquezas culturais o Brasil têm de sobra, só falta você conhecê-los. Embarque em um roteiro inusitado para passar o Réveillon, nestes 6 lugares de norte a sul do país!

Desbrave estes 6 roteiros do Brasil para passar o Réveillon

Escolher um lugar nesta lisa não vai ser fácil, mas a dica é optar por aqueles que vão ao encontro do seu verdadeiro estilo e personalidade. A chance de acerto é de 99,9%.

1. Parque Nacional da Serra do Divisor (Acre)

Passar o Reveillon, Serra do Divisor, Acre

Foto: Casal Nômade

Pense em uma verdadeira exploração em meio à Floresta Amazônica. Se você não conseguiu imaginar, nem tentando lembrar das referências de filmes como Anaconda, então deve visitar o Parque Nacional do Divisor.

O local fica situado na divisa do Brasil com o Peru, e abrange uma parte da Floresta Amazônica com maior riqueza em biodiversidade. Ou seja, plantas, animais e todo o tipo de vida selvagem habita esse espaço. Ainda, rios imensos, cachoeiras e tribos indígenas fazem parte do local.

Para visitar a área, só indo mesmo de barco e com autorização do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). Você deve recorrer ao órgão com pelo menos 10 dias de antecedência, para agendar sua visita ao local.

Ademais, o Parque não tem portão de entrada, é tudo na base da expedição ao estilo Indiana Jones, o que só aumenta a experiência selvagem no lugar.

2. Parque do Jalapão (Tocantins)

Passar o Reveillon, Parque do Jalapão, Cachoeira do Formiga

Foto: Trilhas e Aventuras

Ao centro do Brasil, para passar o Réveillon em meio a muita natureza intocada pelo ser humano, fica o Parque do Jalapão. O espaço de 34 mil km² conserva o que há de mais bruto e original da área do Tocantins.

Cachoeiras, pedras, morros, vegetação, rios, cânions e espaços para explorar de sobra compõem o Jalapão. Ao todo, o parque toma uma área que conecta nove cidades, então você pode conhecer diversos municípios dentro de um mesmo complexo.

Um dos principais destaques do lugar são as águas cristalinas e geladas que rios e piscinas naturais oferecem em diversos pontos do Parque. A Cachoeira do Formiga é um dos maiores exemplos dessas características, que atraem turistas o ano todo.

Vale fazer a sua viagem com guias de turismo ou agências que conheçam bem as áreas, já que o acesso ao lugar é difícil, mesmo em carros preparados. Separe suas roupas de trilha e as de banho também para este passeio.

3. Manaus (Amazonas)

Passar o reveillon, Teatro Manaus
Foto: Fotos Públicas

A capital amazonense reserva peculiaridades que merecem a sua visita. Mesmo que envolta pela maior floresta do planeta, a cidade está distante de ter um aspecto de selva com poucos habitantes.

A estrutura do município e suas atrações turísticas garantem que a capital dos manauaras seja uma ótima ideia para passar o Réveillon. A começar pelo centro histórico que traz toda a arquitetura, ruas e espaços tradicionais da região, conservados.

Um dos edifícios de maior porte da cidade e que conserva beleza ímpar e atrações diversificadas, é o Teatro Amazonas. O prédio foi erguido em 1896 e se consolida como um dos mais importantes teatros brasileiros. O local tem atrações semanais, então basta ver qual é a agenda da casa antes.

Além do espaço, o Mercado Municipal Adolpho Lisboa é excelente escolha. Boxes comercializam alimentos regionais — ótima oportunidade para degustar frutas como o cupuaçu e o açaí, peixes, doces e outras iguarias típicas da cidade.

Não se esqueça de fazer a clássica viagem de barco para ver o encontro singular das águas escuras do Rio Negro e claras do Rio Solimões. Ainda, fazer um nado com os botos rosas nos rios de Manaus é um convite e tanto para entrar em contato com a natureza local.

4. Salinas (Minas Gerais)

Passar o Reveillon, Museu da Cachaça, Sala dos Aromas

Foto: Secretaria de Estado da Cultura de Minas Gerais

Que tal passar o Réveillon na conhecida terra das melhores cachaças mundiais e degustar alguns dos maiores rótulos da bebida diretamente nas destilarias?

Esse é o primeiro atrativo quando falamos em Salinas, cidade de Minas Gerais que é famosa pela produção de cachaça artesanal.

Um dos espaços mais bonitos da cidade é a Barragem de Salinas, local que traz um visual magnífico e natureza local para contemplar ao nascer ou pôr do sol. Também, mais um atrativo para passar o Réveillon em Salinas, é a festa de virada de ano que a cidade promove, com shows musicais e queima de fogos.

Para completar, além da visita a destilarias de cachaças, você deve passar no Museu da Cachaça, que traz todo o histórico da produção da bebida pelo município.

5. Alcântara (Maranhão)

Passar o Reveillon, Igreja Matriz de São Matias, Alcântara, Maranhão
Foto: Flickr

A cidade que já foi símbolo de riqueza no Brasil durante os séculos 18 e 19, conserva um patrimônio que está em parte em ruínas e em parte conservado. Ambos aspectos se complementam e garantem a riqueza histórica nesse local para passar o Réveillon.

Cercado por prainhas, Alcântara reúne a Praça do Pelourinho, local onde escravos negros eram punidos; e ruínas da Igreja Matriz de São Matias. No mesmo perímetro, você também faz uma visita ao Museu Histórico, e conhece mais sobre o que as ruas e construções da cidade reservam da história do Brasil.

A grande vantagem de se passar o Réveillon em Alcântara é a tranquilidade proporcionada pelo local, além da facilidade de se visitar cada canto da cidade. Tudo é perto, então você pode ir a pé de um ponto a outro e curtir cada detalhe ao seu modo.

6. Cambará do Sul (Rio Grande do Sul)

Passar o Reveillon, Cambará do Sul, Rio Grande do Sul
Foto: Prefeitura de Cambará do Sul

Se os Estados Unidos têm o seu Grand Canyon, saiba que o Brasil também tem o seu. O cânion brasileiro fica em Cambará do Sul, e tem extensão de mais de 200km, que podem ser admirados de mirantes espalhados em pontos estratégicos do local.

Prepare-se para muita caminhada, já que o espaço reúne trilhas e acessibilidade dificultadas pela rusticidade da natureza local. Quase não há infraestrutura de serviços por perto, então, prepare-se para encontrar uma agência de viagens especializada na região.

Além dos cânions, vale andar a cavalo pelos campos imensos do espaço. O serviço é oferecido por pousadas e fazendas próximas.

Ainda, cachoeiras complementam a curtição do espaço, mas algumas só são para aproveitar com os olhos mesmo, já que não tem acesso ou são muito perigosas para mergulhos. Enfim, Cambará do Sul é um dos locais mais “raízes” para passar o Réveillon.

Trocar as praias e aquele sítio da família ou alugado com amigos para passar o Réveillon, por estes 6 lugares é sair do comum e abrir a cabeça para o novo. De todo, uma viagem tem esse propósito também, de expandir conhecimentos, a cultura pessoal e aumentar seus horizontes em todos os sentidos. Boa viagem e boas festas!

Acompanhe mais conteúdos sobre viagens, estilo de vida e entretenimento, pelo nosso Instagram, Facebook, Twitter e YouTube!